Startup de programa do Instituto TIM conquista segundo lugar em premiação internacional

MKS.MIDHAZ.COM

MKS.MIDHAZ.COM

Outros dois grupos do AWC ficaram entre os cinco finalistas da competição. Foi a primeira vez dos brasileiros no exterior.

Publicidade - Confere Comércio: Planilha confere e controla o recebimento de cartões do seu comércio.

Publicidade – Confere Comércio: Planilha confere e controla o recebimento de cartões do seu comércio.

Jovens do Academic Working Capital – programa de empreendedorismo universitário do Instituto TIM – receberam um importante reconhecimento internacional. A equipe do Aqualuz, que participou do AWC no ano passado, conquistou o segundo lugar na competição HACKBRAZIL, em Boston, nos Estados Unidos. A final aconteceu durante a Brazil Conference at Harvard & MIT, evento que contou com a presença de diversas autoridades do país.

Essa foi a primeira vez que projetos da AWC foram apresentados no exterior, para uma banca de jurados formada pelos principais nomes do mercado de fundos de investimento e de capital de risco do mundo. Participaram ainda outros dois grupos do programa: o Helidrop, que desenvolveu um Veículo Aéreo Não Tripulado (VANT) para pulverização de defensivos agrícolas em lavouras, e o NextCam, sistema de inteligência artificial que identifica riscos para realizar ações preventivas em obras. Todos receberam treinamento e mentoria de investidores, empresários e alunos do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) e da Universidade de Harvard.

“Ter três projetos do AWC entre os cinco finalistas da competição demonstra o nível e a qualidade das nossas equipes. Essa vitória reforça o sentimento de que estamos formando startups fortes para o mercado. Queremos impulsionar cada vez mais as ideias inovadoras para desenvolver soluções que terão impacto real no dia a dia das pessoas”, diz Diogo Dutra, coordenador do AWC.

A vice-campeã da competição busca solucionar um problema muito comum no Nordeste do Brasil: a falta de acesso à água potável. Anna Luísa Santos, Lucas Ayres, Letícia Nunes e Marcela Sepreny receberam R$ 25 mil para investirem na sua solução, um sistema de filtragem que utiliza radiação solar para tornar água contaminada própria para consumo. Cada ciclo dura, em média, 4 horas, disponibilizando até 28 litros por dia.

WWW.REDESATO.COM

WWW.REDESATO.COM

De acordo com Anna Luísa, a oportunidade de participação no AWC e a conquista da premiação abrem possibilidades importantes: “Vamos investir o prêmio na expansão da startup, em novos testes de certificação e em relatórios de impacto. Já temos 35 unidades do dispositivo em funcionamento, tornando potável 15 litros de água em apenas duas horas. Queremos chegar a 100 unidades e, assim, oferecer água tratada de modo rápido, eficiente e barato, sobretudo para melhorar a vida das populações do Semiárido”, explica.

Entenda o programa

O AWC é um programa de educação empreendedora que apoia estudantes que querem transformar seus Trabalhos de Conclusão de Curso em uma empresa de base tecnológica. São realizadas edições anuais e as inscrições para a turma de 2019 estão abertas até 22 de abril, no site https://awc.institutotim.org.br/inscreva-se/. Podem participar universitários de qualquer área da graduação, com projetos voltados para soluções tecnológicas ou de inovação.

Os autores dos projetos selecionados recebem orientação técnica e de negócios, participam de workshops e são acompanhados semanalmente por monitores do AWC. No fim do ano, participam de uma Feira de Investimentos, onde poderão apresentar suas soluções para profissionais do mercado e investidores. Em quatro anos, o AWC já apoiou o desenvolvimento de mais de 100 projetos inovadores.

Sobre o Instituto TIM

O Instituto TIM (www.institutotim.org.br) tem como missão criar e potencializar recursos e estratégias para a democratização da ciência, tecnologia e inovação, promovendo o desenvolvimento humano, utilizando a tecnologia móvel como um dos principais habilitadores. Define sua atuação em projetos focados em quatro pilares: Ensino (projetos educacionais para crianças e jovens); Aplicações (soluções tecnológicas); Inclusão (ações pró-cidadania) e Trabalho (novas oportunidades de atuação e capacitação). Em parceria com diversas instituições federais e aproximadamente 70 secretarias municipais e estaduais, como de Educação, Cultura e Planejamento em todo o País, as ações do Instituto TIM já alcançaram cerca de 500 municípios, em todos os 26 estados e Distrito Federal, beneficiando mais de 700 mil pessoas, especialmente, crianças de 6 a 12 anos.

 

Fontes:
Texto: Link Comunicação Empresarial
(Por Jaqueline da Mata)
Foto: Divulgação

Quer publicar um release em nosso portal? Entre em CONTATO.

Posts relacionados