Ex-funcionários da Casa de Bolos se tornam empreendedores e abrem o próprio negócio

 

curso de martelinho de ouro

Prata da Casa, Gabriela Martins foi de untandora de formas a franqueada da loja de Cravinhos, no interior de São Paulo.

Em recente pesquisa realizada pelo Global Entrepreneurship Monitor (GEM) e divulgada pela Agência Sebrae de Notícias, nos últimos três anos houve um aumento de 62% no número de brasileiros que decidiram empreender pela primeira vez. Seja por oportunidade ou por necessidade, abrir o próprio negócio está na listinha dos desejos de grande parte da população.

Um desses novos empreendedores que teve seu sonho realizado é  Sakurako Suzuki, uma ex-funcionária da Casa de Bolos, que após conhecer todos os processos, virou franqueada da rede, pioneira no segmento de bolos caseiros. Sá Suzuki, como gosta de ser chamada, conta que trabalhou por mais de dois anos para a franqueadora antes de abrir sua loja localizada no bairro do Morumbi, na capital paulista.

Formada em programação visual, Sá conta que desempenhava diversas funções nas duas unidades onde trabalhou: Granja Viana e Cotia, também em São Paulo. “Eu fazia um pouco de tudo. Gerenciava, produzia os bolos, atendia os clientes, enfim, participava de toda operação”, declara. Tanto esforço acabou fazendo Sá se destacar e, além de ganhar o reconhecimento do diretor de expansão da rede, Fabrício Ramos, ela entusiasmou o amigo José Braga, que emprestou o capital inicial para abrir uma franquia.

Com o investimento de R$ 150 mil, Sá Suzuki recebeu o apoio da franqueadora para escolher o melhor ponto dentro da sua região de interesse. “Me sinto muito feliz, afinal, foi a realização de um sonho. Também me sinto grata à Casa de Bolos, que me deu a oportunidade de conhecer o cenário completo do negócio. Já estou me preparando para investir na segunda unidade”, revela.

O empreendedorismo está no DNA do brasileiro. No franchising, é comum ver funcionários que vestem a camisa da empresa, se encantam com o modelo de franquia e investem suas economias para ter o próprio negócio. O caso de Sá Suzuki não é o único dentro da Casa de Bolos, outros dois ex-funcionários da rede também tornaram-se franqueados.

Na rede que nasceu em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, Valdir Budis Junior e Gabriela Voltarelli Martins são considerados ‘pratas da casa’. Ambos, eram funcionários da unidade comandada pelo diretor de marketing e co-fundador da Casa de Bolos, Rafael Ramos. Desde 2018, Junior comanda a própria franquia localizada no bairro Ipiranga, enquanto Gabriela é a dona da unidade de Cravinhos situada a menos de 20 km de Ribeirão Preto. “Tudo o que sei hoje, aprendi na Casa de Bolos. Comecei untando formas, depois fui confeiteira até ser promovida a gerente da loja. Hoje, mais do que nunca, tenho orgulho de ter acreditado em meus sonhos e, muita gratidão por receber o apoio e incentivo da empresa”, declara a empreendedora.

SOBRE A CASA DE BOLOS

Criada com muito carinho pelas mãos talentosas da Vó Sônia em parceria com seus filhos, a Casa de Bolos é pioneira no segmento de bolos caseiros. Contando com 370 unidades pelo país e mais 20 em fase de abertura, a rede mantém uma rigorosa qualidade dos bolos oferecidos. Natural de Ribeirão Preto, mãe e filhos começaram o negócio num pequeno salão no centro da cidade e, com o sucesso da loja, optaram pelo modelo de franquias. Hoje, a Casa de Bolos tem no cardápio mais de 70 sabores, incluindo versões diet, integral, funcional, Bolo Caseiro no Pote e bolos baby. Oferece também tortas, cucas e bolos de aniversário. Mais informações: casadebolos.com.br

 

 

Fontes:
Texto: Markable Comunicação
(Por Marcia Cristina)
Foto: Divulgação

Quer publicar um release em nosso portal? Entre em CONTATO.

Posts relacionados